Segunda a Sexta-feira, das 8h às 19h | Sábado: consulte horários

11 94550-9674

Agachamento ou Cócoras?

Agachamento ou Cócoras?

Se existe um exercício que pode ser extremamente benéfico para o corpo gestante é o agachamento.

Algumas vezes as pessoas questionam se a gestante realmente pode fazer agachamento e se existe algum risco. Se feito com orientação, o agachamento é super indicado!  Mas cuidado, falaremos de um agachamento sem carga, já que o objetivo do exercício não será hipertrofia, mas sim, auxiliar no preparo da pelve para o período gestacional e para o parto, além de ajudar a fortalecer membros inferiores.

Ao realizar o agachamento durante a gestação é importante que a atenção esteja voltada para a pelve, já que, acrescentando a consciência pélvica e perineal, o exercício pode se tornar mais específico para o corpo gestante.

Mas qual a diferença entre realizar um agachamento até 90° de quadril ou fazer cócoras?

Agachamento

Para o 1° ou 2° semestre da gestação,  a gestante é orientada a fazer o agachamento com os pés e joelhos voltados para fora (rotação externa), como se os pés e os joelhos estivessem apontando 2:50 no relógio. Ao posicionar os membros inferiores dessa forma e agachar até um ângulo de 90° de quadril, conseguimos aumentar a abertura superior da pelve e diminuir a abertura inferior.

Cócoras

Para ficar na posição de cócoras também é necessário que os pés e joelhos estejam voltados para fora, porém, agora, ao invés de agachar apenas até 90° de quadril, deve-se descer mais.

Ao inclinarmos o tronco levemente para frente alongamos os músculos posteriores do tronco e ao mesmo tempo fazemos com que a abertura inferior da pelve aumente. Dessa forma, os músculos do assoalho pélvico e a pele da região do períneo são alongados, preparando para o parto.

Ao aumentar a abertura inferior da pelve favorecemos que o bebê tenha mais espaço para encaixar, e ao mesmo a abertura superior da pelve diminui, ajudando a direcionar o bebê para baixo. Dessa forma indica-se o posicionamento de cócoras para o 3° trimestre da gestação.

Mas atenção, muitas mulheres apresentam dificuldade para adotar essa posição, já que é necessário uma grande amplitude das articulação de quadril, joelho e tornozelo e algumas sentem desequilíbrios.

Uma alternativa para o equilíbrio é realizar como a foto, apoiando em uma bola ou mesmo em um lugar fixo e seguro, como por exemplo, na barra torre do Cadillac.

Caso a posição ainda seja muito desconfortável para as articulações passa a não ser indicado.

Além de os agachamentos serem benéficos para o corpo gestante, auxiliam muito para o preparo do parto, como por exemplo, para o parto em cócoras!

 

 

Share

No Comments

Post a Comment